NOVIDADES
Quarta-feira - 20/10/2010 FESTA DIAS DAS CRIANÇAS

NO MÊS DAS CRIANÇAS, O NOSSO SITE LEVA ATÉ VOCÊ UMA MATÉRIA ESPECIAL SOBRE O DIA MUNDIAL DA CRIANÇA.

Mas o dia Mundial da Criança propriamente dito nasceu em 1950, quando a Federação Democrática Internacional das Mulheres, propôs às Nações Unidas que se comemorasse um dia especial, dedicado a todas as crianças do Mundo. O dia nasceu do reconhecimento por parte dos Estados Membros, que as crianças — independentemente da raça, cor, sexo, religião e origem nacional ou social — necessitam de cuidados e atenções especiais, precisam de ser compreendidas, preparadas e educadas de modo a poderem usufruir de um futuro condigno e risonho.

Em 20 de Novembro de 1959, tais direitos foram passados para o papel e foi legalmente aprovada a “Declaração dos Direitos das Crianças”, uma lista de dez princípios que, infelizmente, nem sempre são cumpridos. Em 1989, a ONU aprovou a “Convenção sobre os Direitos da Criança”, um documento mais extenso que, em 1990, se tornou uma lei internacional

A ONU reconhece o Dia Universal das Crianças a 20 de Novembro, data em que foi aprovada a Declaração. Porém, o dia da comemoração varia de país para país. Em quase todos as nações de língua portuguesa festeja-se no dia 1 de Junho. As excepções são o Brasil — onde é comemorado a 12 de Outubro, dia de Nossa Senhora Aparecida — e em São Tomé e Princípe — onde a festa acontece a 25 de Dezembro.

DECLARAÇÃO DOS DIREITOS DE CRIANÇA

1º PRINCÍPIO. A criança gozará todos os direitos enunciados nesta declaração. Todas as crianças, absolutamente sem qualquer excepção, serão credoras destes direitos, sem distinção ou discriminação por motivo de raça, cor, sexo, língua, religião, opinião política ou de outra natureza, origem nacional ou social, riqueza, nascimento ou qualquer outra condição, quer sua ou de sua família.

PRINCÍPIO. A criança gozará protecção social e ser-lhe-ão proporcionadas oportunidades e facilidades, por lei e por outros meios, a fim de lhe facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, de forma sadia e normal, em condições de liberdade e dignidade. Na instituição das leis sobre o assunto levar-se- -ão em conta os melhores interesses da criança.

PRINCÍPIO. Desde o nascimento, toda a criança terá direito a um nome e uma nacionalidade.

PRINCÍPIO. A criança gozará os benefícios da previdência social. Terá direito a crescer e criar-se com saúde; para isso, tanto à criança como à mãe, serão proporcionados cuidados e protecção especial, e os cuidados adequados pré e pós-natal. A criança terá direito a alimentação, ao divertimento e à assistência médica adequadas.

PRINCÍPIO. À criança incapacitada física, mental ou socialmente serão proporcionados o tratamento, a educação e os cuidados especiais exigidos pela sua condição peculiar.

PRINCÍPIO. Para o desenvolvimento completo e harmonioso de sua personalidade, a criança precisa de amor e compreensão. Criar-se-á, sempre que possível, aos cuidados e sob a responsabilidade dos pais e, em qualquer hipótese, num ambiente de afecto e de segurança moral e material, salvo circunstâncias excepcionais, a criança de tenra idade não será apartada da mãe. À sociedade e às autoridades públicas caberá a obrigação de propiciar cuidados especiais às crianças sem família e aquelas que carecem de meios adequados de subsistência. É desejável a prestação de ajuda oficial e de outra natureza em prol da manutenção dos filhos de famílias numerosas.

PRINCÍPIO. A criança terá direito a receber educação, que será gratuita e compulsória pelo menos no grau primário. Ser-lhe-á propiciada uma educação capaz de promover a sua cultura geral e capacitá-la, em condições de iguais oportunidades, a desenvolver as suas aptidões, a sua capacidade de emitir juízo,o seu sentido de responsabilidade moral e social, e a tornar-se um membro útil da sociedade.

Os melhores interesses da criança serão a directriz a nortear os responsáveis pela sua educação e orientação; esta responsabilidade cabe, em primeiro lugar, aos pais. A criança terá ampla oportunidade para brincar e divertir-se, visando os propósitos mesmos da sua educação; a sociedade e as autoridades públicas empenhar-se-ão em promover o gozo deste direito.

PRINCÍPIO. A criança figurará, em quaisquer circunstâncias, entre os primeiros a receber protecção e socorro.

PRINCÍPIO. A criança gozará protecção contra quaisquer formas de negligência, crueldade e exploração. Não será jamais objecto de tráfico, sob qualquer forma. Não será permitido à criança empregar-se antes da idade mínima conveniente; de nenhuma forma será levada a ou ser-lhe-á permitido empenhar-se em qualquer ocupação ou emprego que lhe prejudique a saúde ou a educação ou que interfira em seu desenvolvimento físico, mental ou moral.

10º PRINCÍPIO. A criança gozará de protecção contra actos que possam suscitar discriminação racial, religiosa ou de qualquer outra natureza. Criar-se-á num ambiente de compreensão, de tolerância, de amizade entre os povos, de paz e de fraternidade universal e em plena consciência que seu esforço e aptidão devem ser postos ao serviço dos seus semelhantes

Créditos:  www.opais.net

       Para comemorar o Dia das Crianças, haverá muita brincadeira, alegria e diversão além de informações e cidadania.

      Regência ECOTUR, juntamente com a associação de Moradores de Regência (AMOR) estará organizando um pequeno evento para a criançada da Vila, haverá também muitas atrações como: palhaço, carrinho de pipoca, de algodão doce e cachorro quente. Brincadeiras animaram a festa, como cama elástica, pescaria e durante o evento haverá entrega de brinquedos e doces  amimando as crianças.

      O evento acontece das 13h00 às 18:h00 e são esperadas cerca de 200 crianças acompanhadas por seus responsáveis. As crianças terão oportunidade de brincar  de ter um momento especial só para elas .

Parece uma pequena ação, mas é como essas pequenas atitudes que são capazes de muda a realidade de muitos e assim caminha Vila Regência, fazendo um futuro melhor é mais digno.

Festa - Dia das Crianças
Data:
12 de outubro de 2010
Horário: das 13:00h as 18:00h
Local: Praça do Farol

Atenciosamente,

Equipe da ECOTUR


© 2010. Todos os direitos reservados. Melhor visualização em resolução 1024x768 pixels