NOVIDADES
Domingo - 20/10/2017 Artesanato valorizando e perpetuando as tradições

Artesanato: Uma Indústria sem Chaminé

O artesanato, assim como as grandes indústrias, possui sua importância na medida em que valoriza a cultural local e a perpetuação das tradições. O produto do artesão é o resultado de sua criatividade juntamente com o seu meio cultural.

Em Regência, uma vila riquíssima culturalmente, verifica-se que quase 1 terço da população trabalha com o artesanato, seja direta ou indiretamente, contando com uma maios participação das mulheres.

A artesã Eliar Morais Laurent, nativa de Regência á 57 anos, tem 18 anos nessa profissão, Eliar fala com orgulho que tudo que ela construiu foi com o dinheiro dos seus artesanatos, “cada tijolinho” da sua casa até a formação dos seus 3 filhos.

A Artesã não só guardou o seu talento para si, mas durante a sua carreira ensinou varias moças que trabalhavam com ela, que hoje são mulheres formadas que também vivem do artesanato profissionalmente.

Eliar juntamente com o seu Mario Adenil possuem uma loja localizada no Centro Ecológico (TAMAR) em Regência onde ficam expostos os artesanatos que são produzidos em sua residência, sendo um boa oportunidade para quem deseja  adquirir uma lembrancinha da vila.

Muitos dos artesãos de Regência, infelizmente, não possuem um espaço físico para divulgar e comercializar seus produtos, dificultando assim o crescimento e reconhecimento de seus trabalhos.

Vai aí, em nome de todos os artesão, um apelo às autoridades para criação de um GALPÃO DO ARTESÃO para beneficiar à todos os criadores da arte !!!




© 2010. Todos os direitos reservados. Melhor visualização em resolução 1024x768 pixels